Artigos

A seleção das impressões

Seleção das impressões

 

Falaremos agora sobre a Seleção das Impressões. Aprendemos com o V.M. Samael que o coração tem portas que podem ser abertas ou fechadas de acordo com as impressões que chegam até nós.

É uma chave inteligente e de fácil aplicação para o nosso diário viver, que faz parte da seleção dos alimentos, tão essencial para nosso desenvolvimento espiritual e Despertar.

 

“Que diríamos dos Três Alimentos?

 

Já dissemos como que uma pessoa se alimenta com o Primeiro Alimento (o alimento do corpo físico); e com o segundo alimento, que são as respirações (mais importantes do que o que vai ao estômago). Mas há um terceiro alimento, que são as IMPRESSÕES.

 

Ninguém pode viver sem impressões nem sequer um minuto. Vivemos por meio das impressões”.

 

Desgraçadamente, o ser humano não sabe selecionar suas impressões. Abrimos as portas para todas as impressões negativas do mundo.

Essas impressões penetram em nossa psique e fazem destroços lá dentro, se transformam em agregados psíquicos e desenvolvem em nós o Centro Emocional Negativo.

Seleção das impressões

Será correto isso? Será correto que uma pessoa que vem, por exemplo, cheia de impressões negativas (que emanam do Centro Emocional Negativo), tenha acolhimento nosso? Que lhe abramos as portas a todas as impressões negativas dessa pessoa?

Parece que não sabemos SELECIONAR AS IMPRESSÕES.

 

Isso é grave! Nós temos que aprender a abrir e a fechar as portas de nossa psique às impressões: abrir as portas para as impressões nobres e limpas; fechar para as impressões negativas e absurdas.

Se as impressões negativas causam dando, desenvolvem o Centro Emocional Negativo em nós, nos prejudicam… por que temos que abrir as portas para essas impressões negativas ?

Devido às impressões negativas uma pessoa se porta muito diferente em grupo, em multidões, e faz coisas que nunca faria sozinha. Por isso é necessário que sejamos cuidadosos com as impressões.

Quando abrimos as portas para impressões negativas, não somente alteramos a ordem do Centro Emocional (que está no coração) como o tornamos negativo.

Se abrimos as portas para as emoções negativas de uma pessoa cheia de ira porque alguém lhe causou dano, terminamos aliados a essa pessoa e contra aquela que ocasionou o dano; terminamos cheios de ira e sem ter parte no assunto.

 

Suponhamos que abrimos as portas para as Impressões Negativas de um bêbado que encontra em uma farra e terminamos aceitando um copo do bêbado e, logo depois, dois, três e dez: conclusão: terminamos bêbados também.

Suponhamos que abrimos as portas para as Impressões Negativas, por exemplo, de uma pessoa do sexo oposto, terminamos também fornicando com toda classe de delitos.

Suponhamos que abrimos as portas para as Impressões Negativas de um viciado, resultamos também fumando maconha. Conclusão: fracasso!

Assim é como os seres humanos se contagiam uns aos outros dentro de ambientes negativos: os bêbados contagiam aos bêbados, os ladrões tornam ladrões a outros, os homicidas contagiam a outros, os viciados se contagiam entre si…

Enfim, se multiplicam os viciados, os assassinos, se multiplicam os ladrões… Por quê? Porque cometemos sempre o erro de abrir as portas para as Emoções Negativas e isso não está correto.

 

SELECIONEMOS as EMOÇÕES! Se alguém nos traz emoções positivas de luz e harmonia, de beleza, de sabedoria, de amor, de poesia, de perfeição, abramos as portas de nosso coração;

Porém, se alguém nos traz emoções negativas de ódio, de violência, de ciúmes, de drogas, de álcool, de fornicação, de adultério… não temos que abrir as portas de nosso coração. Fechemos, fechemos as portas para as impressões negativas!

 

Quando refletimos sobre tudo isso podemos perfeitamente modificar-nos, fazer de nossa vida algo melhor”.

3 respostas para "A seleção das impressões"

  1. Ro Violli Enviado em 06/11/2018 às 18:37

    Se uma de nossas tarefas é ajudar ao próximo, como faremos isso sem ouvi-lo? Pois se ele quer ajuda, ele tem um problema, e um problema dele é uma impressão negativa.
    Como selecionar impressões positivas num lugar em que há pessoas iradas e apelativas e que só pedem, pedem e pedem, seja ajuda, disponibilidade ou dinheiro? Grata.

  2. Laura Enviado em 06/12/2018 às 09:53

    Você pode escutar e ajudar ao próximo porém a grande questão é não se identificar. Você escuta como um observador, buscando não se influenciar. Não escolha um lado, não é necessário sentir os mesmos sentimentos de raiva, ira,…esses sentimentos estão com o outro. Pode-se dar conselhos e ajudar cuidando sempre para não deixar-nos atingir. Há lugares que podemos nos afastar mas o que não for possível por enquanto busque se proteger.

  3. Raíla Enviado em 06/12/2018 às 09:54

    Olá, em nosso diário viver é praticamente impossível não receber as impressões diversas, muitas delas negativas. Mas perceba que o VM Samael fala sobre não deixar que essas impressões entrem em nosso coração. Uma coisa é receber as impressões pelos cinco sentidos outra é deixar que elas penetrem em nosso coração. Entendendo isso, veremos que podemos sim ouvir o problema de um amigo quando queremos ajudá -lo, mas nem por isso precisamos nos identificar com a situação. Nossa ajuda vai ser até mais efetiva se fizermos com a consciência, sem tomar partido, sem nos deixar fascinar pelos agregados psicológicos ali envolvidos. Isso é usar a filosofia gnóstica.
    E outros pilar importante aqui é o da Arte, devemos aprender a viver, fazer da vida uma verdadeira obra prima, como? Transformando tudo o que nos chega, de negativo para positivo, mudar o ponto de vista.
    Em um ambiente difícil, temos muito material de trabalho psicológico. Se nos perguntamos: o quê, realmente, me incomoda nessa pessoa? Qual o motivo de eu me sentir tão desconfortável quando ela ‘pede’ ou ‘apela’? Será que não tenho dentro o mesmo defeito? Pois, se não tivéssemos esse defeito, seríamos indiferentes…

    Temos que aprender a nos inspirar nas pequenas belezas da vida, buscar e fazer os momentos agradáveis, valorizar os detalhes que fazem a diferença. Praticar a meditação, a oração, a devoção.
    Assim, conseguiremos contrabalancear com tantas impressões de tipo negativo que nos chegam a todo momento.

Deixe uma resposta

*